segunda-feira, 26 de junho de 2017

O que não levar nas férias...



O Martim foi de férias 15 dias com os avós.
Quando cheguei a casa dos meus pais para o deixar a minha mãe perguntou:
-"Só uma malinha?"
Eu respondi que sim, uma criança uma malinha, simples assim. Até porque não fazia sentido levar imensa roupa pois vai passar os dias na praia e na piscina.
-"Então e os brinquedos?"
- Não leva - respondi.
A minha mãe fez cara de quem estava a ver um porco a voar e percebi que estava em perfeito desacordo comigo (o que é já habitual lolol).
-"Mas não era melhor o menino levar brinquedos e as coisinhas dele para não se aborrecer?"
Insistiu com o cuidado de avó extremosa que sei que o é.
-Não - respondi terminando a conversa.
Há já muito tempo que deixei de andar com a casa ás costas quando vou de férias.
Claro que não quero que o meu filho se aborreça e se sinta triste e frustrado, apenas quero que aproveite as férias para fazer e ver coisas novas.
Se lhe mandar uma caixa cheia de Lego que ele adora, ele vai passar os dias a fazer construções de lego e vai estar super satisfeito pois está a brincar com o seu brinquedo favorito.
Mas se não lhe mandar nada ele vai ter que inventar alguma coisa para fazer (sim porque nenhuma criança de 10 anos fica paradinha a olhar para as paredes ) ele vai usar a sua imaginação e a sua criatividade para inventar um jogo, uma brincadeira com aquilo que encontrar por ali.
Dou um bom exemplo, no outro dia fomos fazer um pic-nick e esquecemos-nos da bicicletas.
Em vez de passarem horas a andar de bicicletas, estiveram primeiro a procurar e seleccionar pedrinhas, flores, pauzinhos etc... e depois estiveram a desenhar no chão com esses elementos.
Estiveram horas igualmente entretidos, mas a fazer uma coisa nova, diferente e inventada por eles e no final adoraram o resultado.
Se tivéssemos levado as bicicletas teriam estado divertidos também, é certo, mas a fazer o mesmo de sempre...
É preciso deixar espaço para as crianças descobrirem coisas novas e as férias são óptimas oportunidades para isso!
Não tenham medo, façam a experiência e nestas férias deixem a maior parte da bagagem em casa vão ver que o que ditado "Less is more" está certíssimo!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Helppppp....O meu filho já anda numa escola secundária!

O meu filho Martim está gigante e já entrou para o 5º ano. Se ir para o 2º ciclo já é coisinha para assustar qualquer pai, ir para...